STBNET amplia sua grade curricular

STBNET amplia sua grade curricular

No último dia 1º de dezembro de 2018, na Assembleia Geral do Seminário Teológico Batista Nacional Enéas Tognini, em São Paulo, o Diretor Pedagógico Prof. Samuel Barreto Torino, anunciou a alteração da grade curricular e da duração do curso de Bacharelado em Teologia do STBNET. O curso, que possuía duração de 3 anos e contava com 42 disciplinas, agora terá duração de 4 anos, com cada aula com duração de 10 minutos a mais e contará, agora, com 57 disciplinas.

Disciplinas como Grego 4 e Hebraico 4, que já compunham a grade curricular, agora passam a ter ênfase em Exegese do Novo Testamento e Antigo Testamento, respectivamente; Projeto de Pesquisa Teológica 1 2 estão entre as novas disciplinas e passam a dar embasamento ao Trabalho de Conclusão de Curso; além disso, destaque especial para mais dois cursos de História da Igreja: moderna e contemporânea. As novas disciplinas possibilitarão ao aluno uma formação teológica mais ampla, engajada e conectada com as pesquisas científicas na área de teologia evangélica. Além disso, diferentemente do que era o padrão, os cursos de línguas bíblicas (grego e hebraico) agora passam a ser oferecidos em anos diferentes, possibilitando ao aluno estudar e se dedicar a uma língua de cada vez.

De acordo com o Prof. Samuel Barreto Torino, Diretor Pedagógico do STBNET, “a mudança na forma de apresentação das disciplinas gerais do STBNET preserva e aprofunda seus objetivos iniciais”. Desse modo, segundo o professor,“a principal novidade foi a criação de quatro disciplinas: filosofia patrística, filosofia escolástica, projeto de pesquisa teológica e Exegese do Antigo e Novo testamentos. Além disso, as disciplinas de História da Filosofia ganharam focos mais precisos em Sócrates, Platão, Aristóteles e no período helenístico de forma a aproveitar a formação de nosso corpo docente e oferecer aos alunos um leque maior de disciplinas com as quais poderão compor sua grade curricular”. Com relação ao aproveitamento dos alunos durante o curso e à formação dos estudantes, o Diretor Pedagógico observa que eles “terão maior variedade de temas para compor sua grade, favorecendo uma formação sólida e inscrita na tradição ocidental.”

Para o Presidente da Convenção Batista Nacional do Estado de São Paulo e Professor do Departamento de História e Teologia Histórica, Pr. Maurício Abreu de Carvalho, “a reforma visa atualizar o curso e fornecer uma sólida formação bíblica e teológica aos alunos”. Além disso, o Presidente da CBN-SP lembra que mais um projeto será implantado: “em 2019 também haverá a especialização em missões oferecida em parceria com a JAMI (Junta Administrativa de Missões da CBN-SP) de modo que outra importante lacuna será preenchida, a formação missionária. Certamente 2019 será promissor”, comenta o Presidente.