STBNETSTBNET

Língua Grega I-II E III-IV

Este curso extracurricular é destinado a todos os interessados em aprender a língua grega, tendo ele ênfase nos textos do Novo Testamento.

O grau mínimo de estudo, como pré-requisito, é o ensino médio, mas essa condição é flexível, caso o interessado tenha domínio das noções básicas de grámatica (morfologia e sintaxe) da língua portuguesa. Qualquer que seja o interessado, porém, deverá ele ter, no mínimo, 2 horas livres durante a semana, para que possa se dedicar aos estudos de revisão e de resolução de exercícios fora da sala de aula.

CASOS ESPECÍFICOS:

1) Os alunos do 1º ano do STBNET, caso tenham interesse de antecipadamente se preparar para o curso de grego do currículo da graduação em teologia, tembém poderão inscrever-se. Entretanto, para esses alunos, este curso NÃO os dispensa de cursar e de obter nota necessária na disciplina de grego constante na grade.

2) Os alunos que têm os cursos de grego 1 e 2 em status "pendente", sejam ele do STBNET ou de qualquer outro seminário livre de teologia, também poderão se inscrever. Para os alunos deste seminário, o curso extracurricular será aceito para conclusão da disciplina pendente. Para os demais, o STBNET fornecerá certificado com histórico escolar e programa do curso, para que o aluno, caso seja possível, possa eliminar a pendência em suas respectivas instituições de ensino religioso.


LÍNGUA GREGA I E II
(CURSO DE DIFUSÃO - 40hs)

Prof. Moisés Olímpio Ferreira --> Confira Formação

Assista abaixo - Aula Introdutória Língua Grega

 

 

 

 

Público Alvo

  • Interessados em geral.

 

Objetivo

Proporcionar aos alunos, desde a primeira aula, habilidades para leitura e compreensão do texto grego. Para isso, o curso está estruturado para fornecer muito mais do que informações gramaticais, pois os textos utilizados conduzem o aluno ao pensamento do mundo grego através do raciocínio das formas e das estruturas linguisticas.
Ênfase será dada ao vocabulário do Novo Testamento.

 

Justificativa

A civilização grega exerceu grande influência por toda a História. Muito de sua cultura foi adotada por Roma, seguiu por toda a Idade Média e também, pelas Idades Moderna e Comtemporânea.
Não foi por acaso que a revolução cultural na Antiguidade teve seu berço nas regiões da Grécia. A filosofia foi pensada em uma língua tão rica que foi capaz de manifestar o raciocínio de homens como Sócrates, Platão, Aristóteles, Demóstenes etc. Além disso, com as conquistas de Alexandre Magno, em poucos anos vastos territórios foram anexados, o que proporcionou a difusão da língua dos dominantes entre os dominados.
Na Era Cristã, mesmo sob o regime romano, a língua grega era conhecida pelo mundo bárbaro, e sem dúvida, a notícia do evangelho de Cristo, direcionada a todos os povos, só poderia ter sido elaborada nessa língua.
Em razão dessa vasta abrangência cultural, a importância do conhecimento da língua grega tem sido redescoberta, tornando-se objeto de interesse por parte de muitas pessoas das mais diversificadas camadas sociais.

Carga Horária

Período de curso: 40 horas (14 encontros).

Programa

1. O alfabeto
2. As vogais e as consoantes
3. A duração das vogais
4. Os ditongos
5. Os acentos
6. Os espíritos
7. A pontuação
8. Noções de fonética aplicada
9. Flexão nominal. O sistema dos casos (a definição dos casos gregos e funções que representam)
10. Flexão nominal. Temas em vogal: 1ª. e 2ª. declinações
11. Flexão nominal. Gênero e Número dos nomes (substantivos e adjetivos)
12. Artigos
13. Pronomes
14. Preposições
15. Flexão verbal: o verbo ser/estar (einai)
16. Flexão verbal: noções de aspecto, modo e voz.
17. O tema verbal: introdução às noções dos aspectos infectum, aoristo e perfectum.
18. Conceito de voz e modo dos verbos
19. Conjugação dos verbos em ômega no infectum
20. Programa - Gregos 1 e 2

Pré-Requisitos

O grau mínimo de estudo, como pré-requisito, é o ensino médio, mas essa condição é flexível, caso o interessado tenha domínio das noções básicas de gramática (morfologia e sintaxe) da língua portuguesa.
Qualquer que seja o interessado, porém, deverá ele ter, no mínimo, 2 horas livres durante a semana, para que possa se dedicar aos estudos de revisão e de resolução de exercícios fora da sala de aula.

BIbliografia

Gramática (texto base):
MURACHCO, Henrique Graciano. Língua Grega: Visão Semântica, Lógica, Orgânica e Funcional.
Volumes 1 e 2., 3ª. edição, São Paulo: Editora Vozes, 2006.

Dicionários (para uso inclusive em sala de aula; opte-se por uma dessas sugestões):
BAILLY, Anatole. Dictionnaire Grec-Français. France: Hachette.
GINGRICH, F. Wilbur; DANKER, Frederick W. (1984) Léxico do Novo Testamento Grego/Português. São Paulo: VIda Nova.
LIDDELL, H. G. e SCOTT, R. Greek English Lexicon - with a revised supplement. 9th edition, Oxford: Clarendon Press.
TAYLOR, William C. Dicionário do Novo Testamento Grego. São Paulo: Batista Regular.
YARZA, Florêncio I. Sebastián (dirección). Diccionario Griego Español. Barcelona: Editorial Ramon Sopena

 

 

 

 

 

 

 

Preencher o requerimento de matrícula e o contrato de prestação de serviços

Contrato de Prestação de Serviços Educacionais
Requerimento de Matrícula